Agricultores nacionais apostam na sustentabilidade como oportunidade

Agricultores nacionais apostam na sustentabilidade como oportunidade


A “Ecoinovação” é o tema da 5ª edição da AGROIN que reúne especialistas nacionais e internacionais para discutir a sustentabilidade com um racional económico e rentabilidade com uma preocupação ambiental,apresentando dados de estudos internacionais sobre o setor.

Portugal é um dos países que mais aposta na agricultura de conservação na Europa, recordam os organizadores.
Neste contexto, as “boas práticas” continuam a lançar aos empresários agrícolas o desafio de conjugar explorações agrícolas produtivas, rentáveis e eficientes com a conservação dos recursos naturais.

Na 5ª edição da AGROIN, organizada anualmente pela IFE, a aposta na “Ecoinovação” reúne especialistas da área e empresários agrícolas na procura do caminho para a sustentabilidade com um racional económico e para a rentabilidade com uma preocupação ambiental.

Entres eles, conta-se a presença de Namastê Messerschmidt, consultor agroflorestal brasileiro e especialista de referência em agricultura sintrópica, que estará em Portugal para falar de um sistema que pode revolucionar a forma como pensamos a floresta.

O encontro realiza-se no dia 18 de abril, no Centro de Congressos do Estoril, com entrada gratuita.
Na abordagem ao tema, a conservação é a palavra-chave e os empresários agrícolas portugueses são dos que mais praticam agricultura de conservação na Europa. Apesar disso ainda não existe muita consciência dos resultados económicos desta opção.

Se, por um lado, todos os países desenvolvidos possuem políticas específicas para apoiar o setor agrícola, a condicionalidade das ajudas da Política Agrícola Comum (PAC) obriga a que os eco apoios sejam uma realidade a ter consideração nas contas de explorações. Redesenhar a estratégia agrícola com base nesta condicionalidade pode ser uma oportunidade a não perder.

Por outro lado, as práticas agrícolas sustentáveis são essenciais para o combate às alterações climáticas e ao aquecimento global. Num país mediterrânico, onde ciclos de secas e de chuvas concentradas se intensificam cada vez mais, esta é uma realidade a considerar.

No mesmo contexto, nos últimos anos, a palavra energia assumiu uma importância redobrada. Mais do que poupar na conta da eletricidade, os produtores estão a apostar na produção de energia renovável com retornos de investimento interessantes. Ganha o ambiente e ganha o agricultor. Mas produzir alimentos seguros, de qualidade e em quantidade só é possível com o uso eficiente dos recursos. Nesta equação, a inovação faz toda a diferença.

O programa da 5ª edição da AGROIN

Em formato de mesa redonda, empresários e gestores agrícolas vão partilhar a sua visão da gestão para a sustentabilidade.
Preparar e planear uma estratégia que garanta o futuro não é tarefa simples, mas é cada vez mais um imperativo nas explorações agrícolas.

Namastê Messerschmidt irá falar de um conceito pouco desenvolvido em Portugal, mas que pode revolucionar a forma como pensamos a floresta.
O Sistema Agroflorestal de Sucessão é reconhecido como uma das técnicas de plantação mais viáveis do ponto de vista ambiental, social e económico, em que a plantação é feita de forma sincronizada com espécies agrícolas (hortícolas e frutíferas) e espécies florestais.

O especialista, ligado aos mais importantes projetos brasileiros nesta área, como o “Cooperafloresta”, o “Assentamento Mário Lago”, o “Agroflorestar”, o “Instituto Oca” e a “Fazenda da Toca”, irá falar da experiência brasileira, mas também comentar o que já está a ser feito em Portugal neste campo.

Alemplás

A Alemplás Fabrica Protectores Para Plantas. Contamos já 13 anos de presença no sector da Agricultura.
Close Menu

Bem vindo à Loja On-line da Alemplás Ignorar

×
×

Cart

%d bloggers like this: